Dragões de Éter Caçadores de Bruxas - Raphael Draccon

| |


Boa tarde a todos!

Hoje, trago a vocês a resenha do livro "Dragões de Éter Caçadores de Bruxas", primeiro volume da Trilogia Dragões de Éter, escrita por Raphael Draccon e lançada pela Editora Leya.

Assim que vi esse livro, me apaixonei por ele. Sempre que entrava em uma livraria eu ficava babando nos volumes da trilogia. E outra, sempre achei que fosse de um autor estrangeiro. Ao descobrir que a história era escrita por um brasileiro, fiquei com ainda mais vontade de ler. Agora, imaginem a minha felicidade quando, no Natal do ano passado, minha mãe me dá o box de presente?!

Bem, vamos a resenha...

O livro conta a história de uma terra chamado Nova Ether. Uma terra feita de magia e encantos, criada através da inspiração de deuses e alimentada pelos sonhos e desejos de semideuses. Em Nova Ether, vivem os personagens de contos de fadas.
Para manter a ordem, a paz e promover o bem, existem avatares na forma de poderosas fadas cujos objetivos eram testar os mortais e presenteá-los caso se mostrassem valorosos.
Porém, diante das várias falhas do humanos, uma das fadas se deixou apoderar por um sentimento sombrio e perdeu seus dons puros, tornando-se a primeira fada caída. Nos anos seguintes, outras seguiram por esse mesmo caminho, levando consigo humanas que foram tocadas pelas trevas. Foi assim que passaram a existir as bruxas.
O enredo deste livros tem início, alguns anos após a grande caçada às bruxas realizada pelo Rei Primo Branford, até então, um camponês. Junto a tantos outros, Rei Primo conseguiu destruir a maior parte daquelas encarnações do mal.
Logo em suas primeiras páginas, conhecemos os personagens que nos acompanharão no decorrer da narrativa, suas histórias e tragédias particulares.
Primo Branford, é hoje Rei de Arzallum e, por 20 anos, vive em paz.
Porém, nos últimos anos, coisas estranhas começam a acontecer...
Uma menina, vê sua avó ser devorada por um lobo marcado por magia negra. Irmãos comem estilhaços de vidro e bebem água barrenta como se fossem passas silvestres e suco. Isso, pela ilusão criada pela magia negra de uma bruxa canibal. Um navio volta aos mares, nas mãos de um sucessor ainda mais maligno.
Mas, até agora, não falei que não esses personagens, não é?!
Então, vamos lá...

Ariane Narin, viu sua avó ser devorada por um lobo e foi salva por um caçador (vocês devem conhecê-la como Chapeuzinho Vermelho, e acreditem, ela odeia esse apelido); os irmão João e Maria Hanson, conseguiram fugir da casa de doces, onde uma bruxa os prendeu para que virassem comida. 
Axel e Anísio Branford, são príncipes, filhos do grande Rei Primo Branford e da rainha fada Terra Branford. Nesse livro, descobriremos o que foi a caçada e o porque ela aconteceu; conhecemos Coração-de-Crocodilo, um pirata sanguinário filho do Capitão James Gancho.
E poderemos perceber como as coisas podem parecer tranquilas quando situações nefastas estão para acontecer.
Personagens de contos de fada se juntam e duas sociedades criminosas entram em guerra, dando início a uma intriga que será capaz de mexer até mesmo com a família real e, será capaz de mudar o mundo.
Andreanne, capital do reino de Arzallum, nunca mais será a mesma.

O livro tem sua estrutura dividida em três partes, com capítulos curtos. Raphael Draccon deu um show com seus personagens, lendas, as histórias e seres mágicos mostrados nesse livro.
Achei uma ideia genial, a mudança dos contos de fada e o fato da existência de um lugar onde todos moram juntos.
O autor detalha bem a história de cada um dos personagens, nos permitindo entender sua ligação com a história ''principal''.
Os personagens são cativantes. É impossível não rir com o jeito de Ariane Narin, se apaixonar pelo jeito dos irmãos Hanson...
Os personagens são capazes de chamar atenção em poucas páginas, como o Rei Primo, considerado o maior de todos os Reis. É um livro repleto de fantasia!
Draccon escreve a história como um verdadeiro bardo. Ele consegue dar a impressão de que está ao seu lado, contando a história. 
Uma coisa que me irritou um pouco, foi o fato dele terminar o capítulo no meio da ação e passar para outra parte da história. Isso faz com que o leitor queira ler mais capítulos para saber o que acontece. No começo, me irritei, mas depois o livro me conquistou mesmo.

Quanto a parte de diagramação e projeto gráfico, a editora está de parabéns! A capa é linda, as letras são de tamanho agradável para ler.

Com certeza lerei o próximo livro e em breve.
Muito bom! Vocês não podem deixar de ler.
Dragões de Éter é algo único e merece a atenção dos leitores que amam livros de fantasia, não importa se o livro é estrangeiro ou nacional, ele é simplesmente digno de elogios. 
A trama de Dragões de Éter é avassaladora, sensível, divertido, às vezes ate reflexivo em relação à ignorância do ser humano, personagens interessantes e diversas referências contemporâneas. Ao finalizar a leitura, vocês percebe que não foi a toa que a obra de Raphael tenha atingido status de best-seller. Ah! E no final, eles traz um conto muito legal!

Não sei se vocês sabem mas, a trilogia será publicada em edição mexicana e tem capas maravilhosas, como vocês podem ver logo abaixo. Eu sou formada em língua espanhola, mas não tenho nenhum livro em espanhol na minha estante (infelizmente), mas tenho certeza que Dragões de Éter será o primeiro deles.




Espero que vocês tenham gostado da resenha... Leiam esse livro, é imperdível!
Beijinhos




8 comentários:

  1. Oi!!!!
    Eu simplesmente me apaixonei pela série, é maravilhosa e tenho que concordar terminar o capítulo no meio da ação e passar para outra parte da história é torturante mas foi essa tortura que me fez virar a noite lendo esse livro, não encontrava uma brecha p parar de ler ssrsr
    Ótima resenha.

    Bjs
    Jéssica
    http://lilianejessica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii
      Pois é... Comigo foi assim também, mas me irritou muito no começo.
      kkkkkkk
      Estou louca para ler os próximos!

      Beijos

      Excluir
  2. Faz tempo que não leio livros de fantasia!
    Me interessei por esse!
    Com certeza vou ler esse livro!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias
    http://livroterapias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim!
      Você vai gostar bastante. Ele é bem gostoso de ler!
      Beijos

      Excluir
  3. Oi, Tify, já li esta série e simplesmente me encantei. Os livros são fantásticos! As capas da publicação mexicana estão lindas... A capa do terceiro é exatinho o que imaginei numa parte do livro!
    Bjs,
    Eleonor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii. Olha, eu li apenas o primeiro. Amei as capas tb!
      Eu gostei muito da capa do primeiro pois achei que mostra o que se passa no livro. As outras são lindas! Preciso dessas edições! kkk

      Beijos

      Excluir
  4. Olá passando pra conhecer o blog e vc realmente escreve bem sobre livros dos quais não sou conhecedor, já sei onde me informa sobre eles (:

    Deixando meu blog para quem quiser visitar-me:

    http://donskedar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir