AEcM12 - Flavio P. Oliveira

| |
Boa tarde a todos!

Tudo bem com vocês? Andei sumida né?! Então, essa semana eu tive algumas consultas médicas e, como vocês sabem, sempre elas demoram mais do que deviam. Por isso, não conseguir postar a resenha. Mas agora eu estou aqui. =)

A resenha de hoje é sobre o livro "AEcM12", do autor parceiro Flavio P. Oliveira. Eu li esse livro em apenas algumas horas, mas me apaixonei por seus personagens. Lembrando também, que eu estou participando de um ''desafio'' literário do blog Silêncio Que Eu To Lendo e uma das ''regrinhas'' propostas era ler um livro de um autor nacional, como eu já ia ler esse livro durante o ano de 2013, aproveitei e uni o útil ao agradável. E gente, não poderia ter sido escolha melhor para inaugurar o desafio.




Mas, vamos a resenha...

O livro, se passa no futuro...
Em uma época onde a robótica está tão avançada que é capaz de criar robôs extremamente humanizados. Isso é uma excelente opção aos que tiveram amores perdidos, familiares amados que já se foram, de poder ''copiá-los'' em um robô, Claro que, isso por uma pequena fortuna.
E é aí que entra nosso querido protagonista, Arivaldo de Jesus Anestézijo. Um homem solitário e completamente apaixonado pela vizinha, porém, o sentimento não é recíproco.
Cansado de ser ''esnobado'', Arivaldo através de documentos ligeiramente falsificados é um dos primeiros a comprar uma nova ginoide que está sendo lançada no mercado, idêntica a vizinha.
A partir daí, Arivaldo consegue dar asas a seu amor. Lucia, a ginoide de mesmo nome que a vizinha foi programada para ser boa esposa, amante ardente e companheira.
É nessa ilusão que Arivaldo se perde, se contentando com o quase, já que o real ele não tem.
O problema constante é a possibilidade que a vizinha descubra o farsa de Arivaldo. Aí a confusão está armada.
A maior parte dos personagens do livro são robôs: Lucia, a ginoide cópia da vizinha. Duas barbiretas, Lua e Mel; duas bailarinas azuladas, Linda e Bela; Eusébio, o grilo falante; três homens-buldogues e Menino, um robô criado para observar.
Eu morri de rir com Eusébio! Amei o robozinho.

Aqui estão duas frases do livro que eu gostei muito:



"Nem a recordação constante é cura nem é sintoma, são engrenagens da questão maior: vale a pena carregar na memória a lembrança daquele que para sempre perdemos?"

pág. 28

"Deus ao menos distribui esperança; humanos criam o pleno sofrimento."
pág. 103

Não posso contar mais gente!
O que eu posso dizer sobre esse livro é que seus personagens foram muito bem trabalhados
Todos com sua personalidade.
A narrativa de Flavio é excelente, cheia de floreios, deixando o livro com uma bela narrativa. É como se ele, como o artista plástico que é, estivesse pintando as palavras do livro.
São encontradas muitas palavras diferentes mas, que mesmo assim, não deixam a leitura difícil.
É narrada em terceira pessoa e cheia de frases inteligentes.
É um livro que te prende do início ao fim, nos trazendo um final nada clichê e, o mais importante, mesmo sendo um livro relativamente pequeno, fica ecoando na mente do leitor horas a fio depois de lê-lo.
É impossível não se apaixonar pelos personagens. Um dos que eu mais gostei foi Eusébio, é um grilo muito inteligente, mesmo que solte coisas muitas vezes sem nexo.
O leitor acaba se colocando no lugar a Arivaldo, como é se contentar com o quase.

Agora, vocês devem estar se perguntando o por que do título ser AEcM12 não é?! Bom, a razão é que....
Eu não vou contar, para isso vocês terão de ler!

Livro mais que recomendado gente!
Com certeza 5 estrelinhas...
Por sua diagramação, as frases inteligentes, os lindos floreios da linguagem, a capa linda, enfim... a capacidade de conquistar o leitor em pouquíssimas páginas!







Não deixem de ler! Ele pode ser comprado no site do autor.

Espero que tenham gostado.
Por hoje é só...
Beijinhos


14 comentários:

  1. Também adorei o Eusébio! Ri demais com esse grilo maluco! hahahaha
    Ótima resenha, Tify!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também ri muito! kkkkk
      Obrigada Lu!

      Beijos

      Excluir
  2. Eu anotei essas duas frases no meu caderno de frases de livros. Também adorei elas *o*

    Também gostei do Euzebio, morri de rir com as coisas sem noção que ele falava ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gostei muito Marina. =)
      Nossa, eram coisas muito malucas! Eu morri de rir!

      Excluir
  3. Que bom que você adorou meu livro, fico feliz... Ele não é pequeno.. rs. só tem poucas páginas... kkkkk... Todos adoram o Eusébio, eu adorei criá-lo e me divertia escrevendo os diálogos dele. Obrigado pelas gentis palavras...

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei mesmo Flavio...
      São poucas páginas mas, como você disse, tem sustância. =)
      Ele é muito legal! Eu morri de rir!

      Você merece Flavio! Amei ter a oportunidade de ler o livro.

      Beijos

      Excluir
  4. Gosto de cenas sobre o futuro. Da imaginação do autor. Acho que este terei mesmo de pegar.

    BJO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é muito criativo mesmo.
      bj

      Excluir
    2. Aaah, meu livro tem recebido só elogiossss... Vende muito pouco ainda porque não está nas grandes livrarias, mas todos têm dado pelo menos quatro estrelas a ele...

      :D

      Excluir
    3. =) Ahh Flavio, ele é muito bom!

      Excluir
  5. Oi querida, linda resenha. Estou lendo o livro e estou amando. Relamente é um livro que envolve muito! Beijos

    ResponderExcluir
  6. Acabei de conhecer seu blog por causa do desafio da clícia. Parabéns pela resenha e sucesso na participação!!!! Passa lá no meu para conhecer!!!!
    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir